Somos um sem fim sem relevância. Mas a única realidade.