Tags

, , ,

Ao acordar ele viu!
O aceno: a ilha submersa estava caiada pela praia.
A areia fluorescente, na tensa escuridão.
Viu a forma.
Miragens só no deserto: mas era uma flor.
O costado da maré da Capadócia.
Sua chegada o acordou. Chegou.
Estava salvo.
O farol reteve o branco,
a jangada prosseguiu só.