Tags

, , , ,

Treino e Castigo

Paulo Rosenbaum

sexta-feira 27/06/14

Come essa bola! Arrebenta com eles. Mete a boca. Cãibras? Lembra da glória, fama e grana. Ouro no fim do túnel. Teu passe vai dobrar. Eles não entendem. Tem que ter a manha. Levar vantagem. Microfone abriu, fica na sua. Nunca fale em bicho. A gente faz tudo por idealismo. Tudo pela Pátria. Sacou? Estraçalha. […]

Come essa bola! Arrebenta com eles. Mete a boca. Cãibras? Lembra da glória, fama e grana. Ouro no fim do túnel. Teu passe vai dobrar. Eles não entendem. Tem que ter a manha. Levar vantagem. Microfone abriu, fica na sua. Nunca fale em bicho. A gente faz tudo por idealismo. Tudo pela Pátria. Sacou? Estraçalha. Acaba com eles filho. Vê se dá sangue. Poe raça na jogada. Gana, tem que ter gana. Explode o timeco. Está ouvindo lá fora? Essa gritaria? Estão te chamando para o pau. Humilha. Põe para baixo. Mete o pé. Levou uma, dá duas. Deixa vir o instinto. Faz com raiva. Cada disputa é sua vida. É guerra. Matar ou morrer. Ninguém vê nada. Soca quando subir. Entra de sola. Provoca. Cava. Cai na entrada da área. Xinga baixo. Usa a unha. Obrigado filho. Uso a psicologia para ganhar.

_______________________________________________________________________________________________

Não era bem isso. Você ferrou com tudo. Era canela. Cotovelo, falei cotovelo. Você sabe o que é solar? Deu errado. É esse campo vigiado. Toco, falei toco. Deu muito na cara. Coisa feia. Muito bruta. Dente é Corte marcial. Acabou para você. Volta sozinho. Vergonha. Honre o espírito esportivo. Quem te falou para ser bicho? Não me conformo. Onde é que você estava com a cabeça? Era só um jogo.